Profissionais de enfermagem e socorristas: do you speak English?

22/08/2012 19:15
De volta à sala de aula, o primeiro contato dos profissionais com o idioma será nesta quarta-feira, 22/8, na escola de Enfermagem da USP
 
Há cinco vagas abertas, gratuitas, para profissionais da área
 
Nesta quarta-feira, dia 22 de agosto, na Escola de Enfermagem da USP, em São Paulo, profissionais da área da saúde iniciam a capacitação em Língua Inglesa por meio da solução English Around Health Emergencies – um conjunto de livros, aula presencial, plataforma online e de gravação de voz e acompanhamento online do professor, inédito no segmento. Desenvolvida pela Pearson Brasil e Editora Difusão, o objetivo é preparar esses profissionais a enfrentarem os atendimentos médicos a estrangeiros, cada vez mais frequentes no país, com foco na comunicação, na oralidade e desenvolvimento da fluência para as situações reais do cotidiano.
Situações práticas do pronto atendimento, com linguagem funcional, com vozes e personagens brasileiros falando em inglês, além de diálogos e ilustrações, formam o conteúdo do material, elaborado para a realidade brasileira, para ser o mais próximo possível do dia a dia desses profissionais.  
 
O curso é presencial e permite prática à distância. Também inclui um componente on-line para o exercício da compreensão auditiva, além de atividades que treinam a pronúncia, por meio de uma ferramenta de gravação de voz e CD. A carga horária de cada módulo é de 10 semanas, sendo 3 horas presenciais por semana (30 horas) e método on-line. E, como diferencial competitivo, o aluno receberá certificado de conclusão creditado internacionalmente pelo maior organismo qualificador do Reino Unido. 
 
A capacitação foi pensada, inicialmente, para auxiliar a reversão de um cenário já conhecido: apesar do idioma ser um diferencial no mercado de trabalho, tanto na conquista de uma vaga, quanto dentro da organização, apenas 3,4% da população consegue falar e entender o idioma fluentemente, conforme pesquisa da CATHO – Executivos 2011. E, atualmente, levando em consideração o Brasil como país-sede da Copa do Mundo de 2014 e Olimpíadas 2016.  Somente durante o mês do evento esportivo mundial de 2014, o país deverá receber 600 mil turistas e espera alcançar, no mesmo ano, 7,2 milhões de visitantes estrangeiros graças ao impulso gerado pelo evento (dados do Instituto Brasileiro de Turismo - Embratur). 
 
O entendimento e conversação na Língua Inglesa em situações de urgências médicas chega a ser questão de sobrevivência. Se um estrangeiro tiver que enfrentar algum incidente no Brasil e precisar de atendimento médico, é fundamental que ela consiga se comunicar no mesmo idioma, fornecer os dados básicos e explicar os sintomas. Essas são informações fundamentais para que a equipe de profissionais de urgência e emergência possa encaminhar o paciente para o especialista correto e seguir os procedimentos mais adequados.
 
Vagas abertas
Profissionais da área de saúde, com noções da Língua Inglesa, interessados na capacitação da Pearson Brasil e Difusão Editora, podem entrar em contato com o departamento de marketing – telefone 11 4227-9400 Ramal: 434 ou 436. Há cinco vagas gratuitas. 
 
Data do início das aulas: segunda-feira, 08 de outubro de 2012. Aulas às segundas e quartas-feiras.
 
Horário: das 11h30 às 13h
 
Local: Escola de Enfermagem da USP
 
Endereço: Av. Dr. Enéas de Carvalho Aguiar, 419 – Cerqueira Cesar – São Paulo/SP
 
Fontes sugeridas para entrevistas: 
 
Roberto dos Santos: Aluno do curso
Professora Diná de Almeida Lopes Monteiro da Cruz - Diretora da Escola de Enfermagem da USP
Professora Heloisa Helena Ciqueto Peres – Coordenadora da USP e chefe do Gepete (Grupo de Estudos e Pesquisas de Tecnologia de Informação nos Processos de Trabalho de Enfermagem)
 
FONTE: SEGS
http://www.segs.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=86943:-profissionais-de-enfermagem-e-socorristas-do-you-speak-english-&catid=47:cat-saude&Itemid=328